terça-feira, 2 de agosto de 2011

O Zaragoza é o clube mais otário do mundo.

Só assim se explica que um clube em insolvência pague 8,6 milhões de euros por Roberto. Só para que fiquemos esclarecidos o titular da baliza da selecção holandesa, um top 10 dos guarda-redes mundiais custou à Roma 6,3 milhões de euros.

Depois do espanto, depois do Comunicado à CMVM, já existem mais versões do negócio que estátuas da Nossa Senhora de Fátima. Agora já é a divida de Aimar misturada, já são os salários do jogador pelos 5 anos de contrato, já é a compra de um consórcio de Mendes, já é empréstimo com cedência pelo valor mais os 5 anos de contrato. Foda-se, ainda se chega à conclusão que foi o Orelhas que pagou para se ver livre do jogador.

Os credores do clube espanhol já se amontoam à porta e quero ver como a junta de gestão nomeada para evitar a falência do clube aragonês vai explicar "letra por letra" o comunicado do Benfica. Já tenho as pipocas, a fanta e vou-me sentar no sofá e apreciar esta comédia. O Jesuíta já entrou no elenco e diz ele que o Roberto foi um bom negócio. Sim, e quando descobrires o quanto foi bom pode ser que ganhes uma estadia em Caxias durante um bom par de anos.

Ah...o benfas...que bom te-lo de volta!

Sem comentários:

Publicar um comentário