segunda-feira, 21 de agosto de 2017

Uma diferença importante

Há para já uma diferença substancial entre a última época e a presente. Marcos Acuna, Piccini, B.Fernandes, Battaglia, Mathieu, Fábio Coentrão, Dumbia e A.Pinto não foram contratados para estarem no banco ou fora das convocatórias. Matheus Oliveira é, até agora, o que mais se aproxima com a taxa de aproveitamento do passado e um ou dois entre 12 aquisições é um desiderato bastante mais agradável.

Não podemos deixar de reflectir o que isto dará ao plantel durante a totalidade da época, até porque até agora apenas R.Semedo e P.Oliveira (jogadores com utilização efectiva) saíram do clube. É certo que estamos a chegar ao momento dos grandes negócios europeus, mas imagino que saindo algum peso pesado, os substitutos já estejam encontrados e de forma a que o plantel não perca competitividade.

Ainda será cedo para bater palmas ao "mercado" realizado pela SAD, mas há indicadores positivos que podem ser ampliados e com uma habituação e integração...muito melhorados.

Saudações Leoninas

4 comentários:

  1. o que me insultavam por falar nos 14 reforços sem geraldes

    agora já admitem

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. É apenas um cretino frustado (Lampião portanto) que comenta neste blogue entre sessões de masturbação compulsiva...

      Eliminar
  2. Este ano o Scouting não andou a brincar. Provavelmente é uma equipa mais competente ou tivemos mais disponibilidade financeira que em anos anteriores.... ou tudo junto!
    É uma grande demonstração de inteligência, aprender com os erros do passado.

    ResponderEliminar