segunda-feira, 8 de maio de 2017

Hecatombe

Nenhum adepto exige que a sua equipa vença todos os jogos. Nenhum exige mais do que o valor (subjectivo) do plantel está preparado para assumir. O que todos exigem é que exista um compromisso real com a dedicação ao jogo, ao empenho máximo, ao profissionalismo que os seus salários obrigam. 
O que é inadmissível é que os atletas não respeitem o seu contrato moral, o seu próprio valor e “decidam” desistir de fazer o seu melhor, empurrando a responsabilidade como se faz um passe sem convicção. Recuso-me a apontar um ou vários jogadores como os “culpados”, o treinador ou qualquer outro agente do departamento. São uma equipa e devem assacar os prejuízos do que (não) fizeram também como colectivo. O que fizeram, com um estádio cheio, frente ao Belenenses é epicamente vergonhoso como prova da sua dedicação como equipa. 

O Belenenses não se empenhou especialmente em fazer o resultado que obteve, é das equipas mais frágeis neste momento da época e vive um momento de desnorte completo a nível do dirigismo. Entrou em Alvalade pronto a aceitar uma derrota honrosa e mesmo a perder não fez mais do que depositar todos esforços atacantes na marcação de bolas paradas ou lançamentos completamente aleatórios para as costas dos nosso laterais. O Sporting vinha de vários resultados positivos, com jogadores em boa forma e apesar dos problemas endémicos desta época (falta de uma consistência de jogo) somava confiança e sobretudo eficiência nas oportunidades que dispunha.
Portanto nada pode explicar o que aconteceu, nada pode servir de desculpa convincente. Tudo foi suficientemente mau para que ninguém fique satisfeito com a simples e pobre argumentação de que foi apenas um jogo que correu mal.

E devemos mesmo dar seriedade a este “acontecimento” pois poderão suceder-lhes mais no futuro e de certa forma são um símbolo por excesso de quase todos os problemas que a equipa evidenciou até este fim de semana. Todos devem procurar ser honestos e dialogar. Todos devem rever porque estão e o que estão a fazer no clube, pois se a equipa vive de resultados, os adeptos vivem de paixão. E no Domingo a paixão dos adeptos foi seriamente afectada. E sem nós, não há Clube, não há público, não há quotas, não há peso mediático, não há nada. Passamos os posts de facebook, as intricadas explicações tácticas de JJ, as vulgares queixas da arbitragem ou a contestação aos esquemas do nosso rival da 2ª circular. O que aconteceu no Domingo foi um verdadeiro desastre, tragicamente revelador de que algo está mal dentro da equipa e não fora dela. 


SL

8 comentários:

  1. Bem dito e eu sei o que é!
    Continuamos atrasados em relação aos outros e a contratação de JJ justifica isso. Foi como ficar com o que os outros já não queriam mais e agora verifica-se que o mesmo fosso que cavou para os adeptos do rival o cava também no SCP!
    Para mim é um ciclo que se deveria fechar e partir para outro treinador! Um que todas as emanas não nos dê dores de cabeça e tenhamos que amparar as suas declarações.
    Quanto ao resto....presidente, etc, que se cuidem pois errar constantemente sem nunca mudar não é bom sinal.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. O Cerdeira está quase a ver a luz.

      Eliminar
  2. O que aconteceu no domingo foi mais um penalti por um lance em que um jogador do Sporting tenta evitar a bola mas leva com ela na mesma. Ao ponto de ele virar as costas para que a bola não lhe bata.
    Um claro penalti inventado. Claro que não me choca isso porque estamos bem habituados. Ja no jogo da noite, houve um penalti por assinalar, assim como um vermelho por mostrar.... curiosamente sempre a mesma personagem, pizzi.

    A equipa jogou e perdeu. Foi honesto, não devemos nada a ninguem.
    O que correu mal foram os pontos roubados à descarada nos 3 jogos da praxe e que resultaram em menos 8 pontos.
    Pontos esses que se contados, e se o campeão não tivesse essas "sortes" de passar por entre a chuva, estariamos noutra posicão e a celebrar.

    O que correu mal foi isso mesmo. É que a jogar bem ou mal o carnide passa. O Sporting a jogar bem não passa e mal nem se fala.

    A equipa já andava a jogar mal desde a pré-epoca e isso não pode ser escondido.
    Mas uma equipa a jogar mal e a ganhar todos os jogos não tem o mesmo impacto que uma equipa a recuperar e ver 8 pontos roubados à descarada.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Ontem o árbitro é bem capaz de ter sido a melhor das equipas em campo, e estando a falar de Bruno Paixão isso é motivo de grande preocupação

      Eliminar
    2. Penaltis - Porto, Benfica, Braga e Sporting (Comparação estatística)

      Atualização dos dados após a 31ª Jornada desta época 2016/17.
      Nestas últimas 9 temporadas, o F. C. Porto beneficiou de 81 penaltis favoráveis em 279 jogos.
      Será que até ao final desta temporada 2016/17 no agregado de 9 épocas, mais alguma outra equipa atingirá os 81 penaltis favoráveis que o F. C. Porto já usufruiu até este momento?
      Os mais próximos são o Benfica que tem neste momento 69 (logo faltam-lhe 12 para atingir os números do F. C. Porto) e o Sporting que tem 69 penaltis favoráveis assinalados (logo faltam-lhe 12 para atingir os números do F. C. Porto).

      O ataque do F. C. Porto tem nesse período 606 golos marcados (ou seja, beneficiou de 1 penalti favorável por cada 7,5 golos que conseguiu marcar), o Benfica tem 632 golos marcados (ou seja em média precisa de marcar 9,2 golos para que lhe seja assinalado 1 penalti favorável) e o Sporting tem 473 golos marcados (ou seja, beneficiou de 1 penalti favorável por cada 6,9 golos marcados).

      1ª grande anormalidade estatística que salta a vista: Nas últimas 9 épocas (279 jogos), o F. C. Porto teve a sorte de ter usufruido de mais 12 penaltis favoráveis assinalados a seu favor que o Benfica, mesmo assim teve um ataque que marcou menos 26 golos que o ataque do Benfica!

      O Benfica conseguiu conquistar 666 pontos, ou seja mais 3 pontos que o F. C. Porto (663 pontos)! Benfica foi o único dos 4 clubes que conseguiu conquistar mais pontos que outro clube que tenha beneficiado de mais penaltis favoráveis que ele, pois o Sporting obteve mais penaltis e fez mais pontos que o Braga, o Benfica obteve o mesmo nº de penaltis Sporting e fez mais pontos que o Sporting. Só o F. C. Porto obteve mais penaltis e mesmo assim, não foi capaz de conquistar mais pontos que o Benfica.

      O Benfica conquistou mais 107 pontos que o Sporting (666-559 pontos) e marcou mais 159 golos que o Sporting (tendo beneficiado do mesmo número de penaltis favoráveis que o Sporting nas últimas 9 épocas)! Ou seja, se o Benfica tivesse jogado nas mesmas condições que o Sporting (nos primeiros 473 golos marcados beneficiando em média de 1 penalti por cada 6,9 golos marcados), quereria dizer que conseguiu marcar os restantes 159 golos que marcou, sem ter usufruido de nenhum penalti assinalado a seu favor.


      Queres saber quantos penaltis o teu clube já beneficiou nos últimos 9 anos (279 Jogos)? E sabes quantos pontos conquistou diretamente com esses penaltis?

      Queres saber quantos penaltis o teu clube já sofreu nos últimos 9 anos? E sabes quantos pontos perdeu diretamente com esses penaltis sofridos?


      http://influenciaarbitral.blogspot.pt/2013/08/penaltis-benfica-e-porto-comparacao.html

      Eliminar
  3. A hecatombe deste fim de semana é só mais uma a somar a outras durante os mandatos de Bruno de Carvalho e tudo devido há sua falta de liderança (não confundir com poder que os sócios legitimamente lhe conferiram) e cultura de exigência que tanto gosta de exigir aos outros.

    Bruno de Carvalho mal ainda tinha assumido a presidência do Sporting e já estava a demonstrar que isto de ser exigente é só para alguns e vai dai e sem nada o justificar, aumentou exponencialmente o seu salário de Presidente do Sporting logo após de ter andado meses e meses a negociar rescisões e redução de salários com funcionários, atletas e treinadores. Para logo a seguir ir contratar o mais caro treinador da história do Sporting e actualmente um dos mais bem pagos do mundo. Um contrato que TUDO EXIGE do Sporting e que NADA EXIGE do treinador e que está BLINDADO de modo LEONINO a favor de Jorge Jesus... já quanto ao Sporting!

    Mas a exigência de Bruno de Carvalho não ficou por aqui; após ter dado carta branca e condições nunca antes dadas a um treinador do Sporting, "investindo" (gasto) milhões atrás de milhões em contratação de jogadores e aumentando brutalmente a folha salarial média do plantel e após uma época em que o treinador bem mais pago de toda a história do Sporting e dos mais bem pagos do mundo, só conseguiu levar o Sporting jogar um futebol mais vistoso, mas que na prática só deu para conquistar o menos significativo troféu nacional: A taça Cândido de Oliveira... e vai dai... toca a aumentar o já de si muito gordo salário de JJ... o treinador que tudo ganha e que nada perde, já que as derrotas são dos jogadores e as vitórias são somente devidas a ele próprio.

    Acho que em relação a EXIGÊNCIA e LIDERANÇA no Sporting... estamos falados.

    João Tavares


    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Os problemas do futebol do Sporting não se esgotam no treinador JJ. Mesmo que o treinador fosse o Paulo Sérgio, este lote de jogadores não pode em caso algum perder da forma como perdeu com o Belenenses, em casa, sem pressão alguma.

      Eliminar
    2. Venha o City Lion e o Juande Ramos que as coisas entram nos eixos. Um abraço e um croquete.

      Eliminar