quarta-feira, 16 de maio de 2018

Quem ganhou e quem perdeu

Sei quem ganhou.
Com esta avalanche de más notícias no Sporting. O Benfica. liberta-se, nem que seja por momentos, do verdadeiro pesadelo de suspeições que pesam há mais de um ano sobre ele. Vê o fracasso do penta varrido para debaixo do tapete e pode gozar o prato com a suposta corrupção de um rival.
É aliás muito engraçado que as "provas" e os "arrependimentos" tenham sido descobertas pelo CM, quando Boaventura, o Mr.Malas benfiquista já as andava a partilhar nas redes sociais há semanas.
A ver vamos se existe corrupção, desejavelmente com os formalmente acusados, auto-suspensos de funções.
Se forem culpados que sejam julgados e condenados e expulsos de sócio.
Obviamente que a Direção vai estar sobre suspeita e agravar a já parca autoridade que resulta das agressões na Academia de ontem há tarde. A probabilidade da vaga mediática pressionar o universo leonino até este depor os Orgãos Sociais é altíssima e embora queiramos todos correr com todo este ambiente de modo a restituir normalidade ao clube, existem procedimentos e big pictures a respeitar.
O Sporting não vai atravessar tempos fáceis e isso será sempre um quadro que favorece os nossos rivais. Ainda assim, que isso nunca nos demita de olhar primeiro para o nosso clube e resolver o que há para resolver. Ao contrário de outros adeptos de outros clubes, sei que nós não esconderemos a cabeça na areia e faremos o que terá de ser feito para garantir o melhor para o Sporting e não o melhor para um dirigente ou uma SAD.
Mas também sei quem perdeu.
Essa é fácil. Os sócios e adeptos. A esses ficará sempre a missão de pegar nos cacos, pagar as crises, encontrar forças para continuar a comprar gameboxes, pagar cotas, cachecóis, camisas e bater palmas na ilusão que "aqueles" que nos representam dão um chavo pelo que amamos, que aqueles que nos lideram têm mesmo o respeito pelo que acreditamos ser melhor para o Sporting.
Num par de meses podemos ficar sem Direcção, sem Equipa e repletos de "Mãos Sujas" a aguardar julgamento. É uma derrota total e inexplicável. Uma derrota nossa.
Não nos matará, sobreviveremos, regressaremos ao que sempre fomos, mas não tenhamos ilusões, o caminho vai ser árduo e repleto de escolhas difíceis.
Cá estaremos, não mudaremos de clube nem rejeitaremos as lutas, mas não consigo deixar de pensar que não merecemos nada do que nos está a acontecer. 

SL

4 comentários:

  1. A invasão de Alcochete foi organizada por um ex-líder da JL que era unha com carne com a croquetagem, mas o Bruno de Carvalho é que organizou aquilo. Nos outros clubes, os jogadores levam na cara, comem e calam. No Sporting vão logo chamar a CMTV e fazem deles heróis nacionais, porque dá jeito para depor o presidente do Sporting.

    É bom não esquecer o que se passou no Domingo, para além da derrota. Houve jogadores que não bateram nos adeptos porque não puderam. Onde é que aquela gente tinha a cabeça? O Acuña virou-se para a bancada de peitaça, e teve de ser agarrado. Mais tarde no aeroporto foi a mesma cena. Se cada vez que os jogadores forem insultados e assobiados num jogo se virarem contra os adeptos, qualquer dia temos uma desgraça em Alvalade. Ou então os fulanos só podem levar beijinhos. Este clima de insolência, de gente que só tem o fogo no cu contra o Bruno de Carvalho e contra os adeptos, também contribui para a divisão no clube. Uma gente que vai continuar lá mesmo que o Bruno de Carvalho saia, e os insolentes vão sentir mais do que nunca as costas quentes. Vamos continuar a ser a puta dos outros, a equipa que dá sempre moral aos rivais, em vez de lhes dar a estocada final. Hoje "somos todos Sporting" contra o Bruno de Carvalho, amanhã peçam ao tipo que quer ir para o West Ham, ou o outro que quer ir para o Nápoles para defender os interesses do clube. Temos o que merecemos, sim.

    ResponderEliminar
  2. O paneleiro do Goucha só hoje é que se lembrou de fazer uma crónica criminal sobre o futebol, por causa das "notícias" sobre o Sporting. Sobre o que se tem sabido sobre os lampiões, tudo caladinho. O cabrão do paineleiro que é professor no ISCSP até incentivou os jogadores a rescindir e disse que o Bruno de Carvalho tem de ser preso. Vá lá que o PJ foi mais justo e criticou o governo por só falar neste caso e ter estado calado sobre a morte do Marco Piccini por exemplo.

    Entretanto, lançam-se suspeitas sobre o futebol do Sporting, que aparentemente terá tentado comprar jogos no ar, porque junto do Guimarães e do Feirense ninguém foi.

    Tenho para mim que vai haver uma movimentação da justiça sobre os lampiões e que o quid pro quo é a queda da direcção do Sporting, para que os lampiões aceitem a queda do Vieira. Assim eles podem sempre dizer que no futebol são todos iguais e "limpa-se" o nome da estrumeira. Já o treta deles é que ninguém lhes tira, bem como os nossos 16 anos de jejum.

    ResponderEliminar
  3. Por estes dias podemos ver nas televisões o que nos aguarda, com toda a espécie de vermes a posicionar-se para as eleições. Um deles, um tal de Caneira - um ex-jogador de nível medíocre que chegou a jogar no nosso maior rival sem qualquer problema -, disse que o brunismo acabou e mostrou-se muito preocupado com os investidores, como se o Sporting tivesse algum investidor na sua SAD, como se se pudesse chamar investidor à Holdimo, que veio lavar dinheiro para o Sporting no tempo do GL. Por uns míseros 20 milhões de euros, que serviram apenas para pagar salários, ficou com quase 40% da SAD. Não por acaso, Sobrinho está agora contra Bruno de Carvalho, tal como Ricciardi, dois bandidos comprovados que deviam estar presos por crimes contra o Estado português. É esta corja que se prepara para ficar com a SAD do Sporting.

    ResponderEliminar
  4. Entre cobardes, espertalhões e totós, tivemos de tudo esta semana no Sporting. Uma coisa eu sei. Se esta direcção cair, nunca se irá apurar o que se passou nas várias dimensões do massacre ao Sporting desta semana. Até o mais distraído percebe que as coisas não são o que parecem.

    ResponderEliminar