segunda-feira, 12 de outubro de 2015

A factura do apuramento

Sem hipocrisia digo que fico feliz pelo apuramento para o Europeu. É fundamental Portugal continuar a marcar presença nos grandes torneios internacionais. Mas infelizmente é um apuramento tirado a um preço. Não será agora que o vamos "pagar". Lá para idos de Junho será mais visível. Quando olharmos para a convocatória final e constatarmos que 50% dos jogadores estão com uma condição física apelidada "por um fio".

Os "veteranos" dão confiança e estabilidade emocional a um onze. Mas no final das épocas estão "acabados" pedir que façam mais 3, 4, 5 ou 6 jogos de altíssima exigência física é...uma piada. Há quem diga que Fernando Santos está já a fazer a renovação da Selecção. Pois não vejo isso. Vejo que nos casos onde entraram jogadores mais jovens uma ausência de alternativas. Cedric entrou porque nem J.Pereira nem Bosingwa estão em bom plano. Danilo Pereira e William não têm Tiago como rival táctico. Adrien ou André André já deixaram Raul Meireles muito para trás. De resto continuam os erros de casting como B.Alves, Dany ou Eder. A posição de ponta de lança é crítica e por mais que todos já tenham entendido que urge encontrar um qualquer avançado...o Fernando contínua apaticamente a deixar o ex-Braga a somar minutos sem qualquer justificação.

Por agora é hora dos parabéns e também os endereço. Anexo-lhes uma nota de preocupação. Eu quero que façamos boa figura no Euro e acredito que tal como a coisa está, arriscamo-nos a ir repetir a vergonha que foi o último Mundial. Os sinais estão todos lá.

SL

Sem comentários:

Publicar um comentário